Trabalhando em prol dos
Aposentados e Pensionistas
do Banco do Brasil
no Estado do Paraná.

Expurgo Inflacionário

Direito de correção das perdas inflacionárias no cálculo inicial do complemento da aposentadoria

 

A exemplo do Fundo de Garantia e das Cadernetas de Poupança, os complementos de  aposentadorias iniciadas nas épocas da implantação dos Planos Econômicos – Bresser / 87, Verão / 89 e Color I e II tiveram perdas significativas no cálculo inicial do benefício, em face da aplicação de índices de atualização monetária que não refletiam a inflação.

Dessa forma, o judiciário vem determinando que a atualização monetária das contribuições para cálculo do complemento deve calculada pelo IPC, por ser o índice que melhor traduz a perda do poder aquisitivo da moeda, considerados os meses de junho⁄87 (26,06%), janeiro⁄89 (42,72%), março⁄90 (84,32%), abril⁄90 (44,80%), maio⁄90 (7,87%), fevereiro⁄91 (21,87%) e março⁄91 (11,79%).

 

Tem direito os aposentados, cujo cálculo do benefício tenha transitado dentro de um ou mais dos períodos acima.

Como Proceder

 

Para mais informações, entre em contato com a AFABB/PR pelo email afabbpr@afabbpr.com.br ou telefone (41) 3223-4907