Buscar

Previ vende ações da Vale


Notícias

A Previ, fundo de previdência de funcionários do Banco do Brasil (BBAS3), diminuiu sua participação acionária na Vale (VALE3) de 5,03% para 4,98%, mostra documento enviado ao mercado nesta segunda-feira (24).

Com isso, o fundo passou a deter 263 milhões de ações da mineradora.

A operação da Previ foi realizada em 19 de agosto, acrescenta a Vale no comunicado.


Vale pode pagar até 15% de dividendos

À medida que a Vale vai superando as tragédias de Mariana e Brumadinho, cresce a expectativa do mercado pela retomada da distribuição de dividendos. Segundo o BTG Pactual, se o minério de ferro se mantiver acima de US$ 100 por tonelada, há espaço para que a companhia pague 15% de dividendos no ano que vem.


De acordo com Leonardo Correa e Caio Greiner, que assinam o relatório, a Vale se encontra em um dilema. Recentemente, a mineradora anunciou a retomada de sua antiga política de dividendos de distribuir 30% de seu ebitda, menos os investimentos.

Para a dupla, se essa diretriz for seguida, a Vale distribuiria 50% de seu fluxo de caixa livre para acionistas.

Veja o documento

Vale informa redução de participação acionária relevante

Rio de Janeiro, 24 de agosto de 2020  –  A Vale S.A (“Vale”) informa que, nesta data, recebeu declaração da Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil– PREVI sobre alienação de participação acionária relevante, nos seguintes termos:


“Redução da Participação Acionária em VALE S.A. – Em cumprimento ao que estabelece o artigo 12,da Instrução CVM n. 358/02 (“ICVM n. 35 8/02), comunicamos para os devidos fins que a Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil – PREVI (“Entidade”), entidade fechada de previdência complementar inscrita no CNPJ sob número 33.754.482/0001-24, localizada na Praia de Botafogo, 501, 3º e 4º andares, Botafogo, Rio de Janeiro – RJ , reduziu, em 19/08/2020, a sua participação acionária direta na VALE S.A. (“Companhia”), em função da alienação de Ações Ordinárias de sua titularidade em bolsa de valores.


Em atenção ao inciso II, do artigo 12, da ICVM n. 358/02, informamos que com a referida alienação das Ações detidas diretamente da Companhia, a Entidade reduziu a sua participação direta em Ações Ordinárias de 5,03% para 4,98%, alterando a sua posição para 263.289.305 Ações Ordinárias. 


A redução da participação não está vinculada a nenhum dos objetivos referidos pelo inciso II, do Artigo 12, da IN CVM 358.


Tendo em vista o disposto no inciso V, do artigo 12, da ICVM n. 358/02, informamos que a Litel e a Litela são signatárias de acordo de acionistas da VALE S.A., celebrado em 14 de agosto de 2017.” 

A Vale informa que prosseguirá com a atualização de seu Formulário de Referência, para refletir a referida alteração, nos termos da Instrução CVM nº 480/09, conforme alterada.


Luciano Siani Pires

Diretor Executivo de Relações com Investidores


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Desde o início do surto de Covid-19, nossa maior prioridade é a saúde e a segurança de nossos funcionários. Nossa equipe de RI adotou o trabalho remoto e, à medida que continuamos a enfrentar essas novas circunstâncias, recomendamos que priorize contato por e-mail e ferramentas on-line.


Para mais informações, contatar:

Vale.RI@vale.com

Ivan Fadel: ivan.fadel@vale.com 

Andre Werner: andre.werner@vale.com

Mariana Rocha: mariana.rocha@vale.com

Samir Bassil: samir.bassil@vale.com


Esse comunicado pode incluir declarações que apresentem expectativas da Vale sobre eventos ou resultados futuros. Todas as declarações quando baseadas em expectativas futuras, envolvem vários riscos e incertezas. A Vale não pode garantir que tais declarações venham a ser corretas. Tais riscos e incertezas incluem fatores relacionados a: (a) países onde temos operações, principalmente Brasil e Canadá, (b) economia global, (c) mercado de capitais, (d) negócio de minérios e metais e sua dependência à produção industrial global, que é cíclica por natureza, e(e) elevado grau de competição global nos mercados onde a Vale opera. Para obter informações adicionais sobre fatores que possam originar resultados diferentes daqueles estimados pela Vale, favor consultar os relatórios arquivados na Comissão de Valores Mobiliários

 –

 CVM, na U.S.Securities and Exchange Commission

 –

SEC em particular os fatores discutidos nas seções “Estimativas e projeções” e “Fatores de risco” no Relatório Anual - Form 20F da Vale


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


fonte: www.moneytimes.com.br

Trabalhando em prol dos
Aposentados e Pensionistas
do Banco do Brasil
no Estado do Paraná.

Rua Voluntários da Pátria, 475

Edifício ASA - 5º Andar - cj 501

 Centro - Curitiba - PR - 80020-000

(41) 3223.4907